Fertipinea
880
post-template-default,single,single-post,postid-880,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,cookies-not-set,,qode-page-loading-effect-enabled,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode_popup_menu_push_text_right,footer_responsive_adv,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,qode_advanced_footer_responsive_1000,elementor-default,elementor-kit-14,elementor-page elementor-page-880

Fertipinea

PROJETO

FERTIPINEA

Designação do projecto

FERTIPINEA – Nutrição e fertilização do pinheiro manso em sequeiro e regadio

Região de Intervenção

Portugal

Objetivo Geral

Implementação de métodos de diagnóstico de carências nutritivas e recomendações de fertilização em pinheiro manso

Entidade Beneficiária

UNAC – União da Floresta Mediterrânica

Data de Aprovação

2017/07/19

Data de Início

2017/04/01

Data de Conclusão

2021/12/31

Parceiros

INIAV – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária I.P. (Líder de projecto)

Anta de Cima – Sociedade Agrícola, Unipessoal Lda.

Herdade da Abegoaria – Sociedade Agrícola Lda.

ICNF – Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas I.P.

Instituto Superior de Agronomia

Pedro Miguel Belo Ramos Courinha Martins

Pedro Sacadura Teixeira Cabral Duarte da Silveira

Sociedade Agrícola Monte da Sé Lda.

Universidade de Évora

Viveiros da Herdade da Comporta – Produção de Plantas Ornamentais Lda.

Resultados esperados

Manual técnico de fertilização do pinheiro manso;

Recomendações de fertilização racional para a instalação de novos povoamentos com base nos resultados da análise de amostras de terra;

Recomendações de fertilização racional para povoamentos em produção de pinha, assentes em meios de diagnóstico (análise foliar, análise de terras e, sempre que aplicável, análise da água de rega);

Valores de referência preliminares para interpretação dos resultados da análise foliar para povoamentos em produção de pinha;

Critérios de oportunidade de rega para povoamentos em produção;

Indicadores biométricos e ecofisiológicos para monitorização de stresses ambientais de povoamentos em produção.

Resultados obtidos

Os resultados preliminares da avaliação da micoflora em pinhas maduras e imaturas, permite revelar que os fungos das espécies Diplodia sapinea e Sydowia polyspora, causadores de doença em pinheiro manso, foram os que apresentaram maior frequência de ocorrência em pinhas maturas. Já nas pinhas imaturas as análises revelaram que o fungo Sydowia polyspora foi o que apresentou maior frequência de ocorrência, sendo a ocorrência de Diplodia sapinea muito baixa nestas pinhas. Apesar de ainda serem preliminares, estes resultados apontam para que a infeção por Sydowia possa dar-se muito mais cedo no ciclo fenológico do pinheiro manso. Porém só após a conclusão dos ensaios pode ser avaliada a dinâmica do estabelecimento destas doenças que afetam o desenvolvimento da pinha.

Divulgação

VII Congresso Nacional de Rega e Drenagem | Monte Real | 28 de Junho 2018 (Apresentação)

AGRO INOVAÇÃO 2018 – Cimeira Nacional de Inovação na Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural | 29 de Outubro 2018 | Oeiras (PosterApresentaçãoCatálogo de Projetos, Website do evento)

Workshop regional da RRN Regadio X Pinheiro manso | Outubro 2019 (Poster Apresentação)

Acção de divulgação “Enhanced production of edibles from forests and orchards” | 12 e 13 de Novembro 2019 (PosterApresentação)

Reunião do Grupo Operacional | 18 de Novembro de 2019 (ProgramaApresentação Mª Encarnação Marcelo / Conceição Santos Silva / Alexandra Correia / Pedro Jordão / Isabel Carrasquinho / Ana Cristina Gonçalves / Cristina Sempiterno e Rui Fernandes / Mª Encarnação Marcelo)

Artigo “Características físicas e químicas dos solos ocupados com pinheiro-manso

Artigo “Rendimento de miolo de pinhão de pinheiro-manso”

Ficha técnica Nutricao fertilizacao do pinheiro-manso em sequeiro e regadio

Ficha técnica Colheita de amostras de terra em montados de sobro e povoamentos de pinheiro-manso  para avaliação do estado de fertilidade do solo

Factsheet Soil fertility status of stone pine (Pinus pinea) stands in Portugal

Factsheet Manual cone harvesting of Pinus pinea in Portugal: equipment used and recommendations